Matthew Wilson e Mads Ostberg > gostam do Rally de Portugal!

Matthew Wilson: “Se chover o Rally de Portugal será muito difícil”

Matthew Wilson esteve perto no Rally de México de igualar a sua melhor classificação de sempre no WRC, o quarto lugar (Japão 2007), mas um abandono já no último dia de prova, devido a problemas elétricos no Fiesta RS WRC, acabou com as esperanças de realizar esse feito. Para este ano, já não seria mau repetir o sexto lugar do ano passado, mas a tarefa, em condições normais não vai ser nada fácil:

“Sempre gostei do Rally de Portugal, conheço bem as especiais, e a atmosfera é sempre muito interessante. Este ano a super-especial de Lisboa parece-me uma grande alternativa, e imagino que vai estar presente uma enorme multidão. A prova portuguesa tem um ambiente fantástico, os adeptos são muito conhecedores e entusiásticos. Se estiver o piso seco, a aderência deverá ser boa, mas se chover será uma prova muito difícil, especialmente em alguns troços.”, referiu o filho do patrão da M-Sport.

Mads Ostberg: “Quero aproximar-me aos pilotos de fábrica e rodar em tempos semelhantes”

Depois do brilharete no Rally da Suécia, e do quinto posto no México, Mads Ostberg é atualmente terceiro classificado no mundial, apenas a três pontos do terceiro classificado, Jari-Matti Latvala, e cinco pontos na frente de Petter Solberg. A sua atual posição é a melhor de sempre para a Stobart, nos seus seis anos de história. Antes do segundo lugar na Suécia o melhor que Ostberg tinha conseguido no WRC fora o sexto lugar no Rall de Portugal 2009, precisamente uma das suas provas preferidas:

“Será a quarta vez que disputo o Rally de Portugal, e estou ansioso pelo começo já que é um dos meus ralis favoritos. As especiais são muito semelhantes às do ano passado e muito divertidas de fazer, pois são muito técnicas. Na Suécia estive praticamente em casa, no México fiz o possível para aprender, mas agora pretendo atacar bastante mais, pois é uma prova que conheço bastante melhor. Quero aproximar-me aos pilotos de fábrica, e rodar em tempos semelhantes. No final espero chegar no top cinco.”, referiu o norueguês, que irá testar o Ford Fiesta RS WRC em Portugal na próxima segunda-feira.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s