Rally de Portugal discutido de Norte a Sul…

O Rally de Portugal pode regressar ao centro/norte em 2014, mas apesar de haver quem dê o assunto como ‘fechado’, para já não é bem assim…

ambiente.01

A confiança do presidente da CM de Fafe, José Ribeiro é inabalável, “Tenho a certeza que o Rali de Portugal regressará a Fafe em 2014”, mas depois das declarações de Carlos Barbosa, presidente do ACP à RTP, onde refere que o ACP está a trabalhar em conjunto com as Câmaras Municipais para levar novamente o Rally de Portugal para Arganil e para o Minho, a verdade é que não existem para já certezas quanto ao regresso do Rally de Portugal ao centro e norte.

Apesar da forma como a informação se propagou e sabendo-se que há quem dê tudo como confirmado, o AutoSport sabe que a probabilidade é realmente muito forte, mas até que estejam os protocolos assinados, e muitos outros detalhes assegurados, ainda muita coisa pode suceder.

É verdade que Jean Todt foi a Fafe de propósito para assistir ao WRC Fafe Rali sprint, onde confirmou in loco o que Michele Mouton lhe disse o ano passado. Portanto, não será por aí que as coisas podem correr mal.

O desejo do ACP rumar ao centro/norte já não é novo, a meio do ano passado já o Autosport o noticiava, mas até que tudo se concretize há ainda algumas etapas a cumprir, pelo que a informação que corre como facto consumado em muitos órgãos de comunicação social é falsa, ou se preferirem peca por claro excesso. Quem ouviu atentamente as declarações de Carlos Barbosa à RTP nada mais escutou do que “estamos a tentar voltar para cá”. Percebe-se o entusiasmo de alguns OCS, mas olhando para a questão friamente, dizer mais do que “está bem encaminhado” é prematuro.

Por outro lado, o ACP Sport tem a prova de 2014 a norte já estruturada (sempre foi a sua forma de trabalhar), precavendo-se dessa forma para as possibilidades que se abriram. O Porto é a mais forte possibilidade para albergar o centro nevrálgico da prova, mas neste momento isto são tudo conjecturas, pois não convém esquecer que há no final deste ano eleições autárquicas. O poder pode mudar, e por isso tem que haver grande cautela quanto aos comprometimentos futuros das edilidades.

Por tudo isto, há que disfrutar o Vodafone Rally de Portugal deste ano, e esperar que tudo se concretize, pois se a verdade que é mais importante manter a prova em Portugal do que debater a sua localização, a verdade é que assegurando que há WRC em Portugal, são poucos os que, podendo optar, escolheriam o Algarve ao invés do centro/norte.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s